Skip to content

Gestores trabalham a realidade de suas escolas

17/03/2010

 

Os gestores das Escolas da Rede Municipal estão empenhados em realizar com o máximo de aproveitamento o ciclo de encontros que culminará em um documento a ser apresentado na Câmara Municipal. A série de encontros dos gestores com a equipe de professores da Universidade Estadual de Goiás foi aberta no dia 27 de janeiro, no auditório da UEG, com as presenças de palestrantes de renome, como a professora Miriam Fábia Alves, vice-presidente da ANPAE (Associação Nacional de Políticas e Administração da Educação); do historiador Juscelino Polonial e Renato Ribeiro Leite; e dos professores Nelson de Abreu e Mário César Gomes de Castro.

Com carga horária de 48 horas, o curso “Educação e o Desenvolvimento Humano no Município de Anápolis” objetiva a condução dos gestores à análise das condições de oferta de educação básica no município de Anápolis, identificando os elementos que incidem positiva e/ou negativamente sobre o desenvolvimento humano do município. Em grupos de trabalho, os gestores esquadrinham várias situações da realidade da sua escola e do bairro onde a Unidade Escolar está implantada.

Entre os temas, destaque para “Cidadania na educação”, “Segurança na educação”, “Socialização”, “Saúde na educação”, entre outros. Com base nos dados levantados, os gestores vão elaborar diretrizes para a composição de políticas educacionais que visem a superação dos problemas identificados e ampliem e possibilitem avançar o nível de desenvolvimento humano no município. Em outras palavras, o curso visa preparar o gestor para que ele viva mais do que o cotidiano da escola e se engaje no processo educativo, entendendo a educação não somente como a operacionalização das atividades escolares, mas sim em algo mais abrangente, que promove mudanças na comunidade, no município.

 As gestoras Adeane Campos Alves Machado, da Escola Belizária Correia Faria (Jardim das Américas 2ª etapa), e Suleima Preto Bandeira, da Escola Presbiteriana Dayse Fanstone, Parque Residencial das Flores, responsáveis, respectivamente, pelos temas “Cidadania na Educação”, e “Segurança na Educação”, afirmam que seus grupos estão realizando minuciosas pesquisas para levantar, com fidelidade, os dados referentes às questões propostas.

Ao final da série de oito encontros, em maio próximo, os grupos farão a apresentação dos trabalhos na Câmara Municipal. A elaboração de políticas públicas coerentes e de resultados para a educação é preocupação da Administração Municipal. Essa preocupação foi expressa pela secretária Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia professora Virgínia Maria Pereira de Melo, quando da abertura do encontro. Ela argumentou que “apesar os avanços experimentados, não se mexeu no principal e, por isso, o gestor tem que aprofundar sua participação como agente transformador da sociedade”. Para ela, esse curso vai dar o gestor a condição que faltava para que venha refletir a política da educação, “pensar a escola como um espaço de aprendizagem para todos”.

Fonte: Assessoria de Comunicação/SEMECT

 

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: