Skip to content

PROJETO MARHMA – MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS DO MUNICÍPIO DE ANÁPOLIS

09/11/2009

01 logo

 

O projeto MARHMA lançado oficialmente no dia 11 de Setembro de 2009, visa monitorar e avaliar a qualidade de água das sub-bacias de Anápolis e ao mesmo tempo promover pesquisa cientifica fazendo a caracterização morfológica, geográfica, social e ambiental das micro bacias do Antas, Caldas, Piancó, Padre Souza e João Leite. Será realizado análises químicas, físico-químicas, bacteriológicas e de macroinvertebrados bentônicos nos 39 pontos de amostragem espalhados pelo município que serão comparados com os valores permitidos pela legislação vigente, identificando a qualidade das águas em diferentes pontos do município.

 O levantamento de dados em campo, referentes às micro bacias hidrográficas de Anápolis serão analisadas nos seguintes aspectos: nascentes, afluentes, vazão, extensão, georreferenciamento, levantamento topográfico, população ribeirinha, matas ciliares, assoreamento, intervenção antrópica. As pesquisas serão iniciadas em Janeiro de 2010 assim que os termos de cooperação técnica estiverem assinados pelos parceiros e todas as informações obtidas através deste estudo serão disponibilizadas em um banco de dados aberto a toda a comunidade.

Anúncios
3 Comentários leave one →
  1. semect permalink*
    26/11/2009 09:18

    Bom dia, Ricardo Vital!

    De acordo com a Coordenação do Projeto MARHMA, há uma monografia realizada na Microbacia do Antas pelo Pesquisador DIONE INÁCIO, cujo email é: dioneinacio@unievangelica.edu.br.

    Segundo a coordenação, ele poderá fornecer informações mais objetivas para você. Entre em contato ele.

    Esperamos que consiga obter sua informação. Qualquer dúvida, entre novamente em conato conosco.

    Obrigado por participar de nosso ponto de encontro “Blog da Semect”.

    Abraços,

    SEMECT

  2. semect permalink*
    20/11/2009 18:20

    Boa noite, Ricardo!

    Entraremos em contato com a coordenação do Projeto MARHMA e, em breve, te retornamos com a resposta.

    Abraços,

    SEMECT

  3. ricardo vital permalink
    20/11/2009 18:06

    Boa noite! sou estudante de biologia e estou fazendo um trabalho de pesquisa no ribeirao das antas, so que ainda nao encontrei onde o ribeirao nasce sera que poderiam me ajundar?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: