Skip to content

Anápolis 102 anos se (re)construindo!

06/07/2009

Rua Anhangeura

“Estou muito satisfeito porque a atual administração enxergou a importância desta rua para a cidade e também olhou a nossa situação”, desabafou o bancário Verley Carneiro, que mora na região da Rua Anhanguera, na Vila Goiás, que estava interditada porque a passagem sobre o Córrego Góis se rompeu, interrompendo o tráfego e também colocando em risco as edificações próximas.

 A mesma demonstração de alívio e satisfação foi dada pelo comerciante Domingos Gouveia. “Vivemos por muitos anos nesta situação. Não podia chover que os problemas começavam. As administrações anteriores vinham, faziam um trabalho paliativo que não agüentava as chuvas, mas agora tudo foi resolvido de forma definitiva”.

 As declarações são de pessoas que por muito tempo conviveram com situações de perigo e incômodo. Moradores que há anos reivindicaram providências do poder público. E as reclamações também vinham da população em geral, já que a Rua Anhanguera é uma das principais vias de acesso entre a Vila Goiás e a Avenida Brasil.

 Há 45 dias atrás, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano Sustentável deu início às obras no local com a construção de uma estrutura de contenção lateral chamada de ‘gabião’ para refazer todo o bueiro da passagem sobre o Córrego Góis. Além disso, foi feita a calçada e estruturada toda a iluminação do local.

 E esta obra que custou mais de R$ 130 mil, oriundos do tesouro municipal, foi entregue na manhã desta segunda-feira, 06, pelo prefeito Antônio Gomide. “Agora acabou o problema desta rua que já trouxe inúmeros transtornos aos moradores da região e para a população de modo geral”, disse o chefe do executivo.

 Passagens

Na oportunidade, o prefeito Antônio Gomide ainda anunciou a recuperação de mais três passagens na região central da cidade que, somadas à da Rua Anhanguera vão custar cerca de R$ 400 mil. “Tudo será feito com recursos próprios e a nossa previsão é que todo este trabalho seja concluído num prazo de dez dias”, destacou. As obras em questão serão realizadas nas ruas da Glória, Barão de Cotegipe e Sócrates Diniz.

 Outra obra que começará nesta semana é da Rua José Martins de Brito, no Parque das Primaveras. Na passagem sobre o Córrego das Antas, será construída uma galeria de água pluvial de 1,5 metro de diâmetro e um bueiro. “Neste local existe praticamente uma pinguela onde já aconteceu alguns acidentes e pode acontecer outros. A situação é insustentável, por isso, estamos tomando as providências necessárias o mais rápido possível”, declarou Antônio Gomide.

Segundo o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano Sustentável, Clodoveu Reis, o trabalho nesta via é mais complexo, o que demandará um custo mais alto ao município, devendo ultrapassar R$ 500 mil. “Faremos um trabalho completo para resolver definitivamente o problema”, ressaltou.

Fonte: ASCOM

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: